Parque São Jorge recebeu segunda edição do Nike NBB Camp  

Parque São Jorge recebeu segunda edição do Nike NBB Camp  

Timão teve sete participantes no evento que aconteceu durante toda a semana no mini ginásio do Parque São Jorge

21/02/2020 17h30 Agência Corinthians

A- | A+

(Foto: LNB) 

Entre os dias 17 e 21 de fevereiro, o Parque São Jorge foi sede da segunda edição do Nike NBB Camp. O evento reuniu diversos profissionais do basquete brasileiro e 25 promissores jogadores Sub-17. 

Recém-chegado ao Corinthians, Gabriel Borges é umas das promessas do basquete nacional e foi o único representante corinthiano entre os jogadores. Com apenas 16 anos, o ala faz parte da equipe Sub-19 do Timão. 

Além do atleta, o Alvinegro teve mais quatro profissionais envolvidos. Destaque para Vitor Galvani, auxiliar técnico do Corinthians Basquete e treinador do Timão Sub-19. Galvani foi um dos treinadores ao lado do técnico argentino Ricardo Bojanich. 

Os outros profissionais do Corinthians presentes no evento foram Ricardo Fischer (Armador), Rafael Rocha (Fisioterapeuta), Tonhão Romero (Supervisor), Gustavinho (Supervisor do Sub-19) e Alê Unterkircher (preparador físico), além de toda estrutura como ginásio, vestiários, etc. 

Reprodução instagram @gabrielvsborges

Natural de Londrina, Gabriel tem 1.93 de altura e, segundo o próprio, seu jogo se assemelha muito ao de Felipe Vezaro, camisa 10 do Corinthians Basquete, principalmente pelo arremesso, cortes e pelo tamanho.  

Durante os cincos dias de evento, o jovem atleta participou de treinos e atividades que totalizaram mais de 27 horas de aprendizados. Os treinos buscavam melhorar as tomadas de decisões, melhora nas movimentações ofensivas e aproveitamento de espaços. Além dos treinamentos, os atletas participaram de palestras com jogadores, gerentes de empresas e mídia. 

Sobre o evento, o jovem ala do Timão elogiou a experiência do evento e projetou crescimento profissional depois da experiência: “Está sendo uma experiência única e extremamente valiosa, dentro e fora da quadra. Conviver com os atletas e técnicos no Camp foi incrível, pois todos possuem grande conhecimento para trocar. Busco sempre estar atento para absorver o máximo que puder e trazer o que aprendi para as quadras quando eu estiver representando o Corinthians. Este é o principal evento que já participei em toda minha vida, sou extremamente grato por estar participando destes treinamentos”, disse Gabriel Borges. 


Gabriel Borges recebe instruções de Ricardo Bojanich (Foto: LNB)

Outro integrante do basquete do Corinthians com grande participação no Nike NBB Camp, Vitor Galvani participou dos treinamentos, onde buscava ensinar técnicas de finalização, mas principalmente, de tomadas de decisão. 

Vitor Galvani e Ricardo Bojanich

Sobre a semana, Galvani destacou a participação do treinador Ricardo Bojanich, a convivência entre os jovens e aprendizagem com conceitos do basquete argentino: “O que foi trabalhado na semana, junto com Bojanich, conseguimos passar muitas ‘sacadas’, atitudes durante o jogo que ampliam o jogo coletivo, com movimentação de bola, um conceito argentino de basquete, tendo um resultando melhor que o individual. Foram conceitos simples, mas muito eficientes.”, disse Galvani. 

O auxiliar técnico do Corinthians também enfatizou a importância das técnicas argentinas de interpretação e tática no basquete: “Os treinamentos foram muito importantes para todos aqui. A argentina tem uma diferente ‘escola’, diferente forma de ensinar e diferentes ensinamentos. É uma escola com muito sucesso, vindo de um ouro olímpico e em 2019, um vice mundial. Mesmo não tendo o potencial físico do basquete brasileiro, o jogo lá na Argentina é de alto nível. Para os jovens foi muito importante entender esse conceito. Tenho certeza que não só os jogadores, mas todos aqui saímos muito mais desenvolvidos do quando chegamos.”, finalizou. 

O Alvinegro contou com mais três participações no evento. Ricardo Fischer, armador e camisa 1 do Corinthians Basquete, contou sobre sua passagem pelo basquete espanhol e as dificuldades encontradas por lá. Além de ter abordado sua trajetória e as experiências vividas pelos atletas.

Fischer, ao centro da foto e de azul, junto com outros palestrantes e os jogadores Sub-17 (Foto: LNB)

“Acho que essa troca é muito legal não só nós jogadores hoje, mas também com os fisioterapeutas que vieram, o pessoal de mídias sociais. A gente é um produto e temos que nos cuidar em todas as partes. Tive pouco isso de Camp quando tinha a idade deles, então falei para aproveitarem o máximo que é uma oportunidade única para eles se profissionalizarem o mais rápido possível, não deixar para pensar nisso com 20, 21 anos. Tem que pensar desde agora com 17 e eu, particularmente, vim com o intuito de abrir a mente deles para começarem a trabalhar o mais cedo possível”, disse Fischer.

Confira algumas fotos do evento: 


Eduardo Agra, ex-jogador do Corinthians e atualmente comentarista dos canais ESPN e Antônio Romero, supervisor do Corinthians Basquete (Foto: LNB) 

Rafael Rocha, fisioterapeuta do Corinthians, em pé palestrando para os atletas (Foto: LNB) 

(Foto: LNB) 

(Foto: LNB) 

Tags: basquete, imprensa, Notícias

Categoria(s): Basquete, Imprensa