Carille: “Essa parada vai ser muito importante para mim, poder trabalhar com calma”

Em entrevista coletiva após derrota contra o Santos, Carille destacou possibilidade de trabalhar com mais calma na parada para a Copa América

13/06/2019 00h07 Agência Corinthians

A- | A+

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Na noite desta quarta-feira (12), o Corinthians entrou em campo no clássico contra o Santos, na Vila Belmiro, e foi derrotado por 1 a 0. Após a partida, o técnico Fábio Carille atendeu a imprensa.

Sobre o resultado, o professor destacou o bom início mas lamentou a queda do desempenho, mas se diz otimista com os treinos durante a pausa para a Copa América: “Nosso começo foi bom, começamos a trocar passes no campo dele. Depois, o Santos começou a dominar o jogo. Fomos infelizes em tomar o gol. Essa parada vai ser muito importante para mim, poder trabalhar com calma”, destacou. 

Ainda sobre a partida, Carille deixou claro que irá buscar mais ofensividade da equipe em campo: “Estamos com essa dificuldade desde o começo do ano, a busca por ofensividade. Vou trabalhar isso”, afirmou. 

Apesar da derrota, o técnico não deixou de elogiar dois destaques na partida, o goleiro Walter e o zagueiro imporovisado na lateral direita, Bruno Mendéz:  “Walter já falei no outro jogo. Está aqui desde 2013, temos toda a tranquilidade quando precisar. Bruno uma grata surpresa, um momento de dificuldade. Marcou bem”, finalizou.