notícias Especiais

Índio sobre a conquista do Mundial de Clubes de 2000: “É um orgulho muito grande”

Vindo das categorias de base do Timão, Índio foi titular durante a campanha do primeiro título mundial do Corinthians

10h00 11/01/2017 - Agência Corinthians

Share to Facebook Share to Twitter Share to Google Plus Share to Whatsapp

Campeão da Copa São Paulo de Futebol Jr. em 1999, o jovem lateral direito Índio conquistava o título do Mundial de Clubes da FIFA como profissional apenas um ano depois. Titular durante toda a campanha do título, o jogador fez questão de exaltar a equipe alvinegra que conquistava o mundo pela primeira vez.

“Jogar o Mundial, com Dida, Fábio Luciano, Adílson Baptista na zaga e um time muito bom, é um orgulho muito grande, só tenho que agradecer a Deus. Em 1999 eu tinha sido campeão da Copinha e no ano seguinte estava com a medalha do Mundial”, lembrou Índio.

Para o lateral direito, a lembrança mais marcante do torneio aconteceu na final contra a equipe do Vasco da Gama. Recém promovido aos profissionais, Índio não esquece que naquela partida marcava dois dos melhores jogadores do mundo: Edmundo e Romário.

“Eu era um garoto e marcava Romário e Edmundo. Pra mim isso fica na minha lembrança. Graças a esse título, hoje por onde eu passou eu sou lembrado, para mim foi muito importante”, completou o ex-jogador.

publicidade
Fechar
Deixar esta barra sempre visível